Doutoramento em Avaliação de Tecnologia

Ensino

Doutoramento em Avaliação de Tecnologia

Entrou em funcionamento no ano letivo de 2009/2010. O número mínimo de créditos para a obtenção do grau é de 240 (4 anos).

Objetivos

Objectivos genéricos. O Doutoramento em Avaliação de Tecnologia (PDAT) visa preparar investigadores e especialistas com capacidade para a realização de actividade de investigação autónoma e de liderança em processos de inovação e tem por objecto o estudo das metodologias e processos de análise de impactos tecnológicos e dos processos de desenvolvimento da tecnologia e da inovação no contexto mais geral de integração no quadro europeu e internacional.

Este 3.º ciclo complementa a formação de base dos candidatos pelo aperfeiçoamento de estudos e pela investigação e desenvolvimento em áreas de conhecimento emergentes. Após a conclusão do ciclo de estudos, os candidatos ficarão aptos a adquirir, com rigor científico e actualidade tecnológica e metodológica, capacidades de intervenção nos processos de produção, transmissão e aplicação de conhecimentos de Avaliação de Tecnologia ao nível das organizações;

Objectivos específicos. Para além destes objectivos genéricos, os seguintes objectivos específicos são estabelecidos:  

  • Desenvolver competências e capacidades para analisar criticamente, avaliar e sintetizar ideias novas e complexas num contexto de rápidas mudanças tecnológicas e sócio-organizacionais.
  • Promover, no contexto académico e profissional, o progresso tecnológico e sócio-económico e cultural no âmbito duma sociedade baseada no conhecimento e na colaboração.
  • Fornecer conhecimentos a nível avançado e desenvolver capacidades de investigação ao nível da gestão do conhecimento, da tecnologia e da inovação, designadamente no que concerne aos processos de aquisição ou geração da inovação, bem como à implementação prática das inovações no âmbito intra-organizacional ou nos mercados servidos pela organização .
  • Promover a participação em processos de integração de conhecimentos avançados de "Technology Assessment" em projectos inovadores que visem avaliação dos impactos tecnológicos e de sistemas complexos, e o estabelecimento de novas empresas intensivas em conhecimento, na indústria e nos serviços, decorrentes de resultados ou iniciativa de empreendedores, de empresas já estabelecidas ou de organizações académicas
  • Propiciar formação avançada para permitir a participação qualificada em processos de formulação, implementação, execução, acompanhamento e avaliação de políticas de Ciência & Tecnologia e estratégias no âmbito da "Technology Assessment" e da inovação.

Para além da ênfase na realização dum trabalho de investigação original, que conduza à geração de novo conhecimento, e o domínio das correspondentes metodologias de investigação científica, o Doutoramento visa ainda dotar os candidatos dum importante conjunto de competências adicionais que são requisitos essenciais face aos novos desafios na carreira dum doutorado. Assim, e de acordo com as recomendações da European University Association, o ciclo de estudos cobre um conjunto de aspectos vulgarmente designados por „soft skills‰ / ‰transferable skills‰ e que inclui competências de comunicação e escrita técnica, liderança e gestão de tempo e recursos, promoção de parcerias e trabalho em equipa, ética científica e direitos de propriedade intelectual, organização de eventos técnicos, empreendedorismo e transferência de resultados de investigação para o tecido sócio-económico, etc. A compreensão e domínio dos métodos de investigação científica deverão ainda aperfeiçoar a capacidade crítica, capacidade de síntese em contextos de complexidade e grande dinamismo, preparando os candidatos para uma actuação autónoma.

Website

Plano curricular

Saídas profissionais

A Avaliação de Tecnologia está presente num largo espectro de empresas nos mais diversos sectores industriais e de serviços. Este curso de doutoramento constitui uma alternativa formativa de grande potencial para os técnicos associados a processos de escolha de tecnologias ou de investimentos tecnológicos. Este tipo de especialistas pode estar quer na administração pública (grandes laboratórios nacionais, ou entidades governamentais com vocação neste domínio) quer em empresas de maior dimensão onde aquele tipo de opção se pode colocar em processos de reconversão ou de desenvolvimento empresarial.
Mas os doutores em Avaliação de Tecnologia podem ainda estar em empresas de menor dimensão mas que antecipam processos de desenvolvimento tecnológico (por exemplo, biotecnologia, nanotecnologia, micro-electrónica) ou de consultoria tecnológica.
Em qualquer caso, serão especialistas que ˆ independentemente da sua formação técnica de base ˆ necessitam adquirir conhecimentos avançados em áreas relacionadas com os domínios onde esse tipo de opções (de investimento e/ou de investigação avançada) se colocam.
Os doutores em Avaliação de Tecnologia terão adicionalmente oportunidades profissionais em centros de investigação ou investigação e desenvolvimento associados a instituições públicas e privadas, e nas instituições de ensino superior.

Em virtude do prestígio granjeado pela FCT NOVA existem também grandes oportunidades profissionais noutros países do espaço europeu.

 

Horário de funcionamento:

Diurno

Propinas:

Estudantes nacionais: 2.750€

Estudantes internacionais: 2.750€

Prazo de candidatura:

1ª Fase: 7 de abril a 23 de junho
2ª Fase: 26 de agosto a 30 de setembro
3ª Fase: a divulgar oportunamente

Candidaturas

Condições de acesso para o ano letivo de 2017/2018

Vagas para 2017/2018 :

15

Regras de acesso:

  1. Possuir o grau de Mestre ou o equivalente legal em Engenharia, Ciências Naturais ou Ciências Sociais (Sociologia, Economia, Ciência Política entre outros) ou afins;
  2. Possuir uma licenciatura nessas mesmas áreas do conhecimento e ser detentor de um currículo escolar ou científico especialmente relevante que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos pelo conselho científico;
  3. Possuir um currículo profissional ou científico reconhecido como relevante e apropriado pela Comissão Científica do Programa e pelo conselho científico.
 

Os candidatos devem ter um bom domínio, falado e escrito, da língua inglesa, podendo, em casos justificados, a Comissão Científica aceitar candidatos noutras condições.

 

Documentação do processo de candidatura (on line):

  1. Certificado de habilitações discriminando as classificações obtidas;
  2. Curriculum vitae e profissional;
  3. Declaração de Intenções (Letter of Intent) em que o candidato explica as razões pelas quais está interessado em realizar o Programa de doutoramento;

Critérios de seriação:

A selecção dos candidatos é da responsabilidade da Comissão Científica do doutoramento através da apreciação da documentação apresentada, podendo convocar para uma entrevista os candidatos potencialmente elegíveis.

Coordenador do curso:

Professor António Brandão Moniz

pdat.coordenador@fct.unl.pt

Registo e Acreditação

DGES

Registo n.º R/A-Ef 3062/2011 em 18/03/2011

A3ES

Acreditação em 14/01/2016, por 1 ano

Sobre o Departamento de Ciências Sociais Aplicadas

O Departamento de Ciências Sociais Aplicadas (DCSA) assegura, na Faculdade de Ciências e Tecnologia, o ensino e a investigação em áreas exteriores às ciências fundamentais e às engenharias, dando, assim, aos nosso alunos uma formação estruturada na área das ciências sociais aplicadas, que passa por competências nos campos da expressão e comunicação, das relações entre ciência/tecnologia/sociedade (história, filosofia e pensamento contemporâneo) da ética,  da organização do trabalho e da economia, gestão e empreendedorismo.

Saber mais