Doutoramento em História, Filosofia e Património da Ciência e da Tecnologia

Ensino

Doutoramento em História, Filosofia e Património da Ciência e da Tecnologia

Entrou em funcionamento no ano letivo de 2008/2009. O número mínimo de créditos para a obtenção do grau é de 180 (3 anos).

Objetivos

São objectivos do Doutoramento em História, Filosofia e Património da Ciência e da Tecnologia:

  1. Fomentar uma cultura científica e tecnológica, com uma matriz histórica que permita compreender a importância e a influência da ciência e da tecnologia na sociedade europeia;
  2. Compreender e contextualizar as conjunturas em que a inovação tecnológica foi promovida e tem evoluído na sociedade portuguesa;
  3. Reconhecer e identificar o património científico e tecnológico português sendo capaz de o contextualizar no espaço e no tempo tendo em consideração a história da ciência e da tecnologia em Portugal e o contexto histórico em que ocorrem;
  4. Estudar, valorizar e divulgar, procurando a sua preservação, o património científico e tecnológico português

Os estudantes serão acolhidos no Centro de História e Filosofia da Ciência e da Tecnologia, unidade de investigação de reconhecido mérito nacional e internacional.

Plano curricular

Saídas profissionais

  • Investigação
  • Reconversão de carreiras para docentes dos ensinos básico e secundário, no contexto de um mercado de docência já saturado.
  • Qualificação a nível superior de quadros das autarquias locais, pelo desenvolvimento de competências para a aferição do património científico, tecnológico e industrial local, e suas possibilidades de conservação

Propinas:

Estudantes nacionais: 2.750€

Estudantes internacionais: 2.750€

Prazo de candidatura:

1ª Fase: 7 de abril a 23 de junho
2ª Fase: 26 de agosto a 15 de setembro
3ª Fase: a divulgar oportunamente

Candidaturas

Condições de acesso para o ano letivo de 2017/2018

Vagas para 2017/2018 :

15

Regras de acesso:

  1. Titulares do grau de mestrado do 2.º ciclo ou equivalente legal, por instituições de ensino superior portuguesas ou estrangeiras, legalmente reconhecidas.
  2. Titulares de grau de licenciado e detentores de um currículo escolar ou científico especialmente relevante que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos pelo Conselho Científico;

  3. Detentores de um currículo escolar, científico ou profissional, que seja reconhecido como atestando capacidade para realização deste ciclo de estudos pelo Conselho Científico da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa.

Critérios de seriação:

  1. Curriculum académico e científico;
  2. Curriculum profissional;
  3. Texto com um máximo de 5 páginas indicando o tema de investigação que está interessado em aprofundar.

Coordenadora do curso:

Professora Doutora Isabel Maria Amaral

pdhfpct.coordenador@fct.unl.pt

Registo e Acreditação

DGES

Registo n.º R/A-Ef 3079/2011 em 18/03/2011

A3ES

Acreditação em 22/11/2013, por 6 anos

Sobre o Departamento de Ciências Sociais Aplicadas

O Departamento de Ciências Sociais Aplicadas (DCSA) assegura, na Faculdade de Ciências e Tecnologia, o ensino e a investigação em áreas exteriores às ciências fundamentais e às engenharias, dando, assim, aos nosso alunos uma formação estruturada na área das ciências sociais aplicadas, que passa por competências nos campos da expressão e comunicação, das relações entre ciência/tecnologia/sociedade (história, filosofia e pensamento contemporâneo) da ética,  da organização do trabalho e da economia, gestão e empreendedorismo.

Saber mais