Mestrado em Educação

Ensino

Mestrado em Educação

Entrou em funcionamento no ano letivo de 2014/2015. O número mínimo de créditos para a obtenção do grau é de 90 (3 Semestres).

Este curso só funcionará se tiver 10 ou mais inscrições confirmadas, conforme decisão do Conselho Executivo da FCT NOVA.

Os candidatos titulares do grau de licenciatura pré-Bolonha ou de um 2.º ciclo, de um curso que os habilite para o exercício da profissão de educador ou professor dos diferentes níveis de escolaridade, poderão solicitar creditação às unidades curriculares dos respetivos cursos.

Objetivos

Promover uma formação académica que permita o desenvolvimento pessoal e profissional de professores e outros profissionais na área da educação, numa lógica de formação ao longo da vida, proporcionando o enriquecimento das práticas profissionais e a melhoria das organizações em que trabalham;

Responder a necessidades e motivações formativas nas diversas áreas de especialidade, refletindo sobre os conhecimentos teóricos respeitantes ao ensino-aprendizagem, complementando os conhecimentos científicos lecionados, problematizando práticas letivas e formas de organização escolar e educativa e ainda promovendo a formação de profissionais reflexivos;

Aprofundar competências em áreas como aprendizagem, interdisciplinaridade, desenvolvimento curricular, metodologias de investigação, tecnologias, ciências, educação e interligação com aprendizagens não-escolares;

Perspetivar a escola e a educação, de forma global e multidisciplinar, integrando vários atores e níveis de escolaridade. 

Áreas de especialização

  • Especialização em Tecnologias no Ensino de Ciências, Tecnologias, Engenharia e Matemática (CTEM)
  • Especialização em e-Learning e Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) em Educação
  • Especialização em História e Filosofia da Ciência e da Tecnologia
  • Especialização em Educação Ambiental e Sustentabilidade
  • Especialização em Complementos de Geologia para o Ensino
  • Especialização em Complementos de Física para o Ensino

Plano curricular

Regulamento

Horário de funcionamento:

Prevê-se que as aulas das unidades curriculares comuns a todos os mestrandos decorram às sextas-feira de tarde (15h-21h). As aulas das unidades curriculares das áreas de especialização deverão decorrer às quintas-feiras em horário pós-laboral ou noutro horário definido conjuntamente pelos docentes e pelos mestrandos inscritos numa dada área de especialização. Pontualmente, poderão ter lugar actividades lectivas também aos sábados de manhã.

Propinas:

Estudantes nacionais: 1.063,47 €/1.ºano; 689€/2.º ano

Estudantes internacionais: 3.200 €/anual (Redução de 60% para estudantes da CPLP)

Prazo de candidatura:

1ª fase: 6 de março a 23 de junho
2ª fase: 26 a 31 de agosto

Candidaturas

Condições de acesso para o ano letivo de 2017/2018

Vagas para 2017/2018 :

60

Regras de acesso:

  1. Os candidatos deverão ser titulares de um curso que os habilite para o exercício da profissão de educador ou professor dos diferentes níveis de escolaridade. A experiência profissional prévia no desempenho dessas atividades é valorizada no processo de avaliação das candidaturas e na seriação de candidatos;

  2. Poderão também ingressar neste curso de mestrado, titulares de outras licenciaturas, desde que exerçam atualmente (ou tenham exercido anteriormente) atividades profissionais na área da educação, por exemplo como técnicos de educação ou como animadores e mediadores socioculturais.

Todas estas condições serão enquadradas de acordo com o estabelecido no artigo 17º do decreto-lei nº 74/2006 de 24 de março.

Critérios de seriação:

  1. Currículo académico e científico;
  2. Currículo profissional;
  3. Carta de motivação;
  4. Eventual entrevista.

Coordenadora do curso:

Professora Mariana Gaio Alves

me.coordenador@fct.unl.pt

Registo e Acreditação

DGES

Registo n.º R/A-Cr 61/2014 em 20/05/2014

A3ES

Acreditação em 03/03/2014, por 6 anos

Sobre o Departamento de Ciências Sociais Aplicadas

O Departamento de Ciências Sociais Aplicadas (DCSA) assegura, na Faculdade de Ciências e Tecnologia, o ensino e a investigação em áreas exteriores às ciências fundamentais e às engenharias, dando, assim, aos nosso alunos uma formação estruturada na área das ciências sociais aplicadas, que passa por competências nos campos da expressão e comunicação, das relações entre ciência/tecnologia/sociedade (história, filosofia e pensamento contemporâneo) da ética,  da organização do trabalho e da economia, gestão e empreendedorismo.

Saber mais