Internacional

Internacional

Mobilidade de docentes e não docentes - Incoming

 

Erasmus+ Missões de Ensino (STA)

A Mobilidade de pessoal para missões de ensino (STA) permite ao pessoal docente de uma Instituição de Ensino Superior parceira europeia ensinar na NOVA School of Science and Technology | FCT NOVA.

Os docentes interessados em visitar a FCT NOVA para Missões de Ensino devem contactar a Divisão de Relações Internacionais que encaminhará o pedido de aceitação ao Departamento correspondente. É necessária a existência de um acordo Interinstitucional Erasmus+ entre a sua Universidade e a FCT NOVA, na área de estudos que leciona, para efetuar a mobilidade. 

Para mais informações em como candidatar-se a uma mobilidade STA, o candidato deverá contactar o gabinete de relações internacionais da instituição de origem.

Informações úteis

Erasmus+ Missões para Formação (STT)

A mobilidade de pessoal para fins de formação (STT) tem como objetivo apoiar o desenvolvimento profissional de pessoal docente e não docente através de períodos de formação numa Instituição de Ensino Superior ou noutra organização europeia considerada pertinente em termos profissionais.

As missões de formação tem normalmente a duração de uma semana, mas podem ter uma duração mínima de 2 dias (excluindo os dias de viagem) ou prolongar-se até 2 meses e têm como objetivo principal permitir a aquisição e partilha de conhecimentos ou saberes especializados a partir de experiências e boas práticas.

O staff interessado em visitar a FCT NOVA para Training deve contactar a Divisão de Relações Internacionais que encaminhará o pedido de aceitação ao Departamento correspondente.

Para mais informações em como candidatar-se a uma mobilidade STT, o candidato deverá contactar o gabinete de relações internacionais da instituição de origem.

Informações úteis

Outras mobilidades

Visitante

Alguém que não venha através de um programa de mobilidade ou parceria só pode ser aceite como Visitante, caso o presidente do departamento de acolhimento aceite a sua vinda.

Deverá ser solicitada ao docente que aceitar ficar como supervisor ou como responsável uma carta convite e à chegada será registado como Visitante no sistema CLIP. Será emitido, se solicitado pelo visitante ao Gabinete de Segurança, um cartão de acesso. O Visitante que venha a título pessoal não está abrangido por nenhum seguro pelo que se recomenda a obtenção prévia de um seguro de responsabilidade civil e acidentes pessoais. As despesas serão suportadas pelo próprio.

Depois de aceite deverá preencher a Ficha de Visitante e enviar-nos uma cópia do documento de identificação.