Notícias

Notícias

FCT NOVA lidera projeto que quer lixo zero na orla costeira

10-01-2020

praia com lixo

O projeto “CAPonLITTER - Capitalising good coastal practices and improving policies to prevent marine litter" (Capitalizar boas práticas de gestão costeira e melhorar políticas para prevenir o lixo marinho), coordenado pela FCT NOVA em parceria com a APA (Agência Portuguesa do Ambiente), engloba autoridades e organizações de Espanha, França, Croácia, Grécia, Bulgária e Alemanha comprometidas com o lixo zero na orla costeira.

Esta iniciativa pioneira visa melhorar políticas e práticas que possam ajudar na prevenção do lixo marinho, muito concretamente aquele que é gerado e descartado pelas atividades de turismo e recreio nas zonas costeiras, em particular o plástico. Irá atuar em três eixos principais de trabalho: as "Praias Zero-Resíduos", os "Eventos Costeiros Zero-Resíduos" e as "Comunidades Costeiras Zero-Resíduos".

Através da troca de experiências e de conhecimento mútuo, os parceiros intervenientes neste projeto de cooperação irão explorar formas de melhorar as suas políticas regionais e promover a implementação das melhores práticas, com a participação ativa de atores-chave no processo. No final pretende-se elaborar um manual de boas práticas para prevenir o lixo marinho, incluindo melhorias na prevenção, recolha e reciclagem.

O projeto teve o seu início no dia 23 de outubro e no passado dia 8 de janeiro reuniram-se no campus da Caparica concessionários de bares de praia, produtores de eventos, associações de pescadores e utentes das zonas balneares, no primeiro workshop de stakeholders.

O Interreg Europe, que apoia financeiramente o CAPonLITTER, pretende que cada região participante consiga influenciar e melhorar as políticas com implicação na redução do lixo marinho.

Imprensa

"Projeto pioneiro: Portugal investe numa política "lixo-zero" para a orla costeira" (Diário de Notícias)