Mestrado Integrado em Engenharia e Gestão Industrial

Ensino

Mestrado Integrado em Engenharia e Gestão Industrial

Entrou em funcionamento no ano letivo de 2008/2009. O número mínimo de créditos para a obtenção do grau é de 300.

Curso reconhecido pela Ordem dos Engenheiros e pela FEANI (Federação Europeia de Associações Nacionais de Engenharia) para atribuição do título EUR ING (Engenheiro Europeu)

Objetivos

O objetivo central do curso de Mestrado Integrado em Engenharia e Gestão Industrial (MIEGI) é o de formar engenheiros industriais de nível universitário com uma sólida preparação em ciências de engenharia, cobrindo os domínios da Gestão da Produção, da Logística Industrial, da Engenharia da Qualidade, da Ergonomia, da Engenharia Económica, das Tecnologias e Sistemas de Informação, da Tecnologia Industrial e Automação e do Projeto e Produção Assistidos por Computador em ambientes integrados de produção.

Dada a grande diversidade das áreas de interesse da Engenharia Industrial, o MIEGI apresenta-se como um curso de banda larga, com a duração de cinco anos letivos, particularmente vocacionado para satisfazer os requisitos de empresas (industriais ou de serviços) e organizações (públicas ou privadas) nos domínios da Gestão Industrial (da produção, dos aprovisionamentos, da logística, da qualidade, da manutenção) e da Engenharia de Produção Industrial (no projeto, no planeamento, na preparação, na execução e no controlo).

Plano curricular

Saídas profissionais

  • Indústrias no sector Mecânico, Químico e afins

  • Metalomecânica, Máquinas-Ferramentas, Eletromecânica

  • Construção Naval, Construção Automóvel

  • Energia e Frio Industrial

  • Refinação de Petróleos, Petroquímica e Gases

  • Transformação de Plásticos, Resinas, Fibras e Têxtil

  • Produtos Químicos, Ácidos, Adubos e Pesticidas

  • Química Orgânica Fina, Farmacêutica, Fermentação, etc.

  • Serviços Públicos e Empresas de Serviços

  • Transportes e Comunicações

  • Bancos e Seguros

  • Saúde e Segurança Social

  • Administração Pública

  • Gabinetes de Estudos e Projectos de Engenharia

  • Laboratórios de Engenharia

  • Docência e Investigação no Ensino Superior

Propinas 2021/2022

Estudantes nacionais: 697 Euros/anual

Estudantes internacionais: 7000 Euros/anual
 
(Os estudantes de países da CPLP poderão candidatar-se a uma redução de até 50% da propina, mediante a avaliação das seguintes condições:

a) 1º Inscrição: os estudantes devem evidenciar através dos seus certificados académicos que o seu desempenho escolar se situa no primeiro quartil da escala de avaliação utilizada no sistema do seu país ou escola de origem;
b) Inscrições posteriores (independentemente do ano de ingresso): exclusivamente por mérito escolar, isto é, aprovação em todas as UC em que o estudante se inscreveu no ano anterior, perfazendo 60 ECTS em cada ano.)

SEM INGRESSOS A PARTIR DE 2021/22

Coordenadora do curso:

Professora Ana Sofia Matos

miegi.coordenador@fct.unl.pt

Registo e Acreditação

DGES

Registo n.º R/A-Ef 3119/2011 em 18/03/2011

A3ES

Data de publicação da decisão de acreditação: 30/09/2014

Validade da acreditação:
6 anos contados a partir de

Sobre o Departamento de Engenharia Mecânica e Industrial

O Departamento de Engenharia Mecânica e Industrial (DEMI) é uma unidade orgânica permanente da NOVA School of Science and Technology | FCT NOVA, vocacionada para o ensino, para a investigação científica fundamental e aplicada e para a prestação de serviços nos domínios da Engenharia Industrial e da Engenharia Mecânica. O DEMI tem a seu cargo dois mestrados integrados (Engenharia e Gestão Industrial, Engenharia Mecânica), quatro mestrados (Engenharia e Gestão Industrial, Engenharia Mecânica, Engenharia Industrial e Engenharia da Soldadura), dois programas de doutoramento e ainda várias pós-graduações.

O DEMI conta atualmente com 38 docentes e com cinco funcionários. Os professores do Departamento de Engenharia Mecânica e Industrial colaboram, a diferentes títulos, com diversas instituições públicas e privadas, nomeadamente no desenvolvimento de projetos de investigação em áreas científicas e tecnológicas de relevância para a Engenharia Industrial e para a Engenharia Mecânica.

Saber mais