Ensino

Mestrado em Biologia Computacional e Bioinformática

A biologia está a sofrer o impacto de uma transformação digital impulsionada pelo rápido desenvolvimento de algoritmos computacionais e métodos de inteligência artificial, que revolucionaram a análise de sistemas biológicos e as tecnologias farmacêuticas e médicas associadas.
O Mestrado em Biologia Computacional e Bioinformática (MCBBI) da Universidade NOVA de Lisboa proporciona uma formação multidisciplinar na interface entre as Ciências da Vida e as Tecnologias de Informação. Este curso avançado é implementado por cinco Escolas complementares da NOVA: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT NOVA), Instituto de Tecnologia Química e Biológica António Xavier (ITQB NOVA), a Faculdade de Ciências Médicas (NOVA MS), o Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação (NOVA IMS ) e o IHMT-Universidade NOVA de Lisboa.
O curso oferece uma formação prática sólida nas áreas fundamentais da biologia computacional e bioinformática para alunos licenciados em Ciências da Vida, baseando-se numa estrutura flexível composta por um tronco comum e dois ramos. O tronco comum desenvolve nos alunos a proficiência em informática, matemática e inteligência artificial expondo-os às diferentes vertentes da biologia computacional. Os alunos podem de seguida especializar-se num dos dois ramos: Multi-Ómicas para as Ciências da Vida e da Saúde e Simulação de Biosistemas para as Ciências da Vida e da Saúde.

Mais informações em http://masters.unl.pt/computationalbiology/.

Propinas (aguardam aprovação do Conselho Geral da NOVA)

Estudantes nacionais: 1500 Euros/anual

Estudantes internacionais: 7000 Euros/anual

Candidaturas

1ª Fase: 1 a 31 de Março (15 vagas)
2ª Fase: 7 de Abril a 22 de Julho (25 vagas)
3ª Fase: 27 de Julho a 5 de setembro (vagas sobrantes)

Candidaturas

Condições de acesso para o ano letivo de 2021/2022

Vagas para 2021/2022:

40

Coordenadora do curso (FCT):

Professora Paula Gonçalves

Registo e Acreditação

DGES

Registo n.º R/A-Cr 72/2020 em 23/06/2020

A3ES

Acreditação em 29/04/2020, por 6 anos

Sobre o Departamento de Ciências da Vida

O Departamento de Ciências da Vida (DCV) incide a sua atividade no ensino e investigação em domínios da Biologia fundamental relevante para aplicação em áreas da Biotecnologia e Biomedicina.

O DCV é responsável pela Licenciatura em Biologia Celular e Molecular (1.º Ciclo), pelo Mestrado em Genética molecular e Biomedicina (2.º Ciclo) e pelo Programa de Doutoramento em Biologia (3.º Ciclo), colaborando em vários cursos da NOVA School of Science and Technology | FCT NOVA e da NOVA.

O DCV integra uma Secção Científica que agrupa as áreas científicas de Microbiologia, Genética e Biologia Celular. Desenvolve atividades de investigação científica e tecnológica em parcerias nacionais e internacionais, participando em projectos de I&D em Microbiologia, Genética Molecular e Humana, Biotecnologia, Nanobiotecnologia e Biologia Celular.

Saber mais